Clique aqui e veja as últimas notícias!

ENERGIA LIMPA

IFMS, Agraer e Sudeco estimulam o uso da energia solar para desenvolvimento da agricultura familiar

Com energia fotovoltaica, é possível economizar até 90% na conta de luz
03/12/2020 09:14 - Naiara Camargo


Uma parceria entre Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS), Agência Estadual de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural (Agraer) e a Superintendência de Desenvolvimento do Centro-Oeste (Sudeco), visa incentivar o uso da energia fotovoltaica em propriedades rurais.

Essas instituições trabalham juntas para capacitar técnicos da Agraer a respeito das vantagens desse tipo de energia, de modo a destacar sua praticidade e economia.

Acompanhe as últimas notícias

O objetivo é que os especialistas incentivem agricultores e os demais interessados a adotarem essa energia limpa, e os conscientizarem a respeito de suas vantagens.

O professor doutor Dejahyr Lopes Junior, diretor-geral do IFMS, expressa que a intenção é preparar esses profissionais para que levem as placas solares para os agriculturores familiares. 

“A tecnologia é viável economicamente e ajuda a solucionar problemas básicos como o bombeamento de água, irrigação, acionar cerca elétrica, câmaras de videomonitoramento, entre outros”.

“O consumo de energia fotovoltaica, cada vez mais desperta o interesse no meio rural, devido ao maior uso de energia para geração de energia mecânica para as atividades produtivas”, afirma Fernando Nascimento, diretor-executivo da Agraer.

“Estamos certos de que esse treinamento possibilitará aos nossos técnicos os conhecimentos necessários para orientar os produtores a tomarem a melhor decisão quanto investir, ou não, nesse sistema”, acrescenta.

Vantagens da energia solar ou fotovoltaica

  • não polui
  • é limpa e sustentável
  • é renovável
  • fonte de energia gratuita
  • economia de até 90% na conta de luz

Desvantagens da energia solar ou fotovoltaica 

  • alto custo de instalação
  • não gera energia à noite

Assine o Correio do Estado