Clique aqui e veja as últimas notícias!

GERAÇÃO DE ENERGIA

Energia solar: as vantagens e as desvantagens de usar na sua residência

Conheça como funciona e é gerada a energia que vem do Sol, além de qual é o custo do gerador
21/08/2020 13:30 - Fábio Oruê


É provável que você já ouviu falar em utilizar a luz do sol para gerar energia elétrica e talvez até conheça alguém que a use. Mas sabia que, comprando um gerador, você não vai pagar conta de luz por pelo menos 20 anos?

Por definição, a luz solar é o espectro total da radiação eletromagnética fornecida pelo Sol. 

Essa luz é filtrada pela atmosfera terrestre e a radiação solar é visível, como por exemplo, a luz do dia quando bate na água reflete essa luz e forma o arco-íris, ou seja, a cor da luz do Sol, perceptíveis pelos nossos olhos, são as cores do arco-íris.

Dentre os tipos de energia (eólica, hidrelétrica, biomassa, combustível fóssil, solar e nuclear), a solar é a mais recente em termos de regulamentação e uso no Brasil. 

Porém, no entendimento do presidente da Associação Movimento Solar Livre, Hewerton Martins, houve uma evolução no uso e entendimento dessa energia. 

Somente em 2012, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) regulamentou o uso dos equipamentos para gerar a energia que usa o Sol como fonte. 

A Resolução Normativa (RN) 482/12 estabelece as regras para este sistema de "compensação de energia" - conhecido também como crédito de energia ou lei de incentivo a energia solar. 

Esta resolução permite que seja feita a "troca" de energia com a rede elétrica.

Antes dessa data, conforme lembrou Martins, havia somente um modelo que utilizava baterias e não tinha conexão com a rede da concessionária de energia elétrica. “Nós trabalhamos com ela desde 2010. Usávamos sistemas com baterias em torres de comunicação, fazendas no Pantanal e bombeamento de água”, contou ele.  

A energia solar, além de sustentável e alternativa, é renovável e pode ser aproveitada, sendo utilizada por aquecimento solar e energia solar fotovoltaica, que são tipos de tecnologias que utilizam a luz do Sol como fonte. 

Entenda como funciona a geração e o uso da energia nas residências, suas vantagens e desvantagens, quanto custa para ter o gerador de energia solar e como está o uso dela no Brasil. 

Receba as principais notícias de MS em seu email.

Como funciona a energia solar residencial?

Para usar a energia provinda do Sol em casa é necessário ter um conjunto de equipamentos, chamado de Gerador Fotovoltaico, que captará a luz e a transformará em energia elétrica. 

Hewerton explica que dois equipamentos quando reunidos são capazes de fazer esse processo.“[...] Você tem o que o pessoal chama de placa, mas o nome correto é módulo fotovoltaico, que é instalado no telhado e vai para uma outra peça chamada inversor solar. Essa peça transforma a energia do sol, igual a energia da tomada [elétrica]”, disse ele ao Correio do Estado

Ou seja, a “placa” capta a radiação solar e transforma ela em uma energia que não está pronta para consumo. Então, ela é enviada para o inversor solar, que vai transformá-la na energia própria para consumo na residência. 

Segundo Hewerton, esse processo é diferente do usado para aquecer a água da casa. Este usa somente o calor da luz solar e não a radiação. “Tem o aquecedor solar, que é para esquentar água, aqueles que tem os ‘caninhos’ que passam ali dentro. Tem o calor e ele esquenta a água e guarda lá na caixa de água quente”, diferenciou. 

Além de casas, há quem use a energia solar também em comércios e indústrias.