Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

CAMPO GRANDE

Refis da Saúde gerou R$ 81 milhões em receita extra, informa prefeitura

Prazo para pagar dívidas em atraso com o município encerrou-se nesta terça-feira (15)
15/09/2020 20:03 - Da Redação


O Programa de Pagamento Incentivado (PPI), popularmente conhecido como Refis 100% Saúde, já arrecadou R$ 81,592 milhões para os cofres públicos municipais.

A edição que se encerra nesta terça-feira (15) teve início no dia 1° de junho deste ano e acabou passando por duas prorrogações, a fim de dar mais tempo aos contribuintes atrasados. A última aconteceu no dia 11 de agosto, desde lá, o Programa sumiu mais de 16 milhões na arrecadação.

Como o nome já diz, todo o dinheiro conseguido a partir das negociações é usado para investimentos na área da saúde e, este ano, com a crise do novo Coronavírus, a necessidade das aplicações aumenta.

De acordo com o Secretário Municipal de Finanças e Planejamento, Pedro Pedrossian, a arrecadação sempre vai para a saúde e, desta vez, mais especificamente para pagamento de folha, medicamentos, insumos, leitos e tudo que possa ajudar no enfrentamento à pandemia.

O Programa serve para revisar o pagamento de qualquer tributo administrado pela Prefeitura da Capital. Ainda segundo o Secretário, as dívidas mais recorrentes são impostos sobre serviço, taxas e multas, exceto de trânsito, e IPTU ajuizado ou não.

 
 

Felpuda


Os bastidores fervem com a ciumeira que vem acontecendo em alguns municípios, onde determinados candidatos estariam sendo mais prestigiados que outros depois das alianças que foram formalizadas nas convenções. As queixas só aumentam, e as lideranças partidárias já não sabem o que fazer, temendo a possibilidade de que a vitória vá para o ralo. A bronca maior está entre integrantes das chapas puras de vereadores que se coligaram na majoritária. E salve-se quem puder!