Clique aqui e veja as últimas notícias!

DENÚNCIA

Vereador da Capital é denunciado junto com família Name e pode pagar até R$ 6,3 milhões às vítimas de extorsão

Ademir Santana (PSDB) também foi alvo da operação "Snow Ball" em outubro deste ano e tenta reeleição
04/11/2020 11:03 - Gabrielle Tavares


O vereador Ademir Santana (PSDB) e os empresários Jamil Name e Jamil Name Filho, conhecido como "Jamilzinho", foram denunciados pelo Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (Gaeco), por extorsão armada e concurso de pessoas.

A acusação foi protocolada no dia 19 de outubro. Se forem declarados culpados, a pena pode ultrapassar 10 anos de prisão, além de serem condenados a pagar R$ 6,3 milhões às vítimas de extorsão.

Ademir Santana, que tenta reeleição neste ano, foi alvo da operação do Gaeco “Snow Ball”, fase da Operação Omertà, no dia 7 de outubro. Policiais cumpriram mandados de busca e apreensão na casa e chácara do parlamentar.

Os empresários Name também foram denunciados por lavagem de dinheiro, junto com o ex-guarda municipal Juanil Miranda Lima, que está foragido desde setembro do ano passado, Benevides Cândido Pereira, o Benê, e Euzébio de Jesus Araújo, o Nego Bel.