Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

MATO GROSSO DO SUL

Assembleia cancela recesso e prorroga suspensão das atividades até agosto

Deputados citaram números crescentes da pandemia; Casa reduziu circulação para evitar contágio
23/06/2020 09:54 - Adriel Mattos


A Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso do Sul (Alems) cancelou o recesso de meio de ano e prorrogou a suspensão das atividades presenciais até 31 de agosto. Os deputados já discutiam prosseguir com os trabalhos devido à pandemia de Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus.

Proposta pelo presidente da Casa de Leis, Paulo Corrêa (PSDB), a medida teve apenas um único voto contrário. João Henrique Catan (PL) justificou que a retomada é viável. “A população vai nos fotografar nos supermercados. Podemos nos reunir com pouca gente”, frisou.

Já o deputado Londres Machado avaliou que a medida pode ser revista caso a pandemia perca força. “Especialistas estão demonstrando que enfrentaremos um período de dor e sofrimento. Não são só deputados que trabalham nesta Casa, temos funcionários e o público que nos visita. Acredito que a Mesa Diretora deve monitorar a situação e abreviar esse período se for possível”, explicou.

Pedro Kemp (PT) observou que os números da doença no Estado vêm aumentando constantemente. “Acredito que estamos vivendo um momento crítico aqui no nosso estado. Mato Grosso do Sul tem hoje 152 pessoas internadas com Covid-19, na semana passada eram apenas 70 internados. O crescimento do número de infectados e também de internações está sendo muito significativo nos últimos dias. Devemos continuar desta forma, não será a Assembleia Legislativa responsável pela infecção de outras pessoas”, avaliou.  

Essa é a quinta prorrogação da suspensão. No dia 17 de março os deputados definiram em sessão plenária que as atividades da Alems seriam restringidas internamente aos serviços essenciais por 15 dias, os integrantes do Legislativo deveria voltar ao prédio no dia 2 de abril, mas no mesmo dia prorrogaram a suspensão até o dia 17 de abril.  

No dia 17, foi estendido o prazo até 30 de abril. Em 29 de abril, o período foi ampliado até 25 de maio. E em 19 de maio, esse prazo foi estendido até 30 de junho. A circulação no Palácio Guaicurus foi restrita para minimizar o avanço da doença. As sessões e reuniões de comissões estão sendo feitas por videoconferência e alguns servidores atuam em regime de teletrabalho.

No início do mês, o presidente da Casa declarou à TV Alems que cogitava cancelar o recesso, como noticiou o Correio do Estado na época. “Até este momento todos os deputados estão pedindo para a gente tocar direto porque com a possibilidade das pessoas ficarem em home office, a mudança de horário para fazer o atendimento na Assembleia, nós vamos tocar direto”, explicou Corrêa, destacando a necessidade de se aprovar projetos ligados ao combate da pandemia.

 
 

Felpuda


Ex-cabecinha coroada anda dizendo por aí ser o responsável por vários projetos para Campo Grande, executados posteriormente por sucessor. 

Ao fim de seus comentários, faz alerta para que o eleitor analise atentamente de como surgiram tais obras e arremata afirmando que não foi “como pó mágico de alguma boa fada madrinha. 

Houve muito suor nos corredores de Brasília”. Então, tá!...