Política

Política

Babá eletrônica

Babá eletrônica

Redação

22/02/2010 - 03h25
Continue lendo...

A televisão não sabe o que fazer com as crianças. Bom exemplo é a “TV Globinho”, que já teve dias mais criativos, quando há três décadas a jornalista Paula Saldanha apresentava o “Globinho repórter”, com matérias que interessavam as crianças. Com a decadência dos programas infantis mais glamurosos e ancorados por bonitas apresentadoras, dos quais o “Xou da Xuxa” foi o paradigma, nenhum outro modelo foi desenvolvido para os programas infantis. Com exceção da TV Brasil, com “Um menino muito maluquinho”, “Castelo rá tim bum” e “A turma do pererê”, praticamente não há nenhuma produção nacional para o público infantil. Mas estas são produções realizadas ou concebidas há vários anos. O “Maluquinho” é a mais recente, de 2006. Restam os desenhos animados. O “Bom dia e companhia”, do SBT, com apresentação dos agora adolescentes Priscilla Alcântara e Yudi Tamashiro, exibe sucessos como “Naruto” e “Ben 10”, este último uma poderosa marca internacional. Com uma infinidade de produtos associados ao personagem criado há cinco anos, “Ben 10” continua a encher os olhos dos meninos e a esvaziar os bolsos do pais, esbulhados por crianças ávidas de uniformes, pastas, cadernos, bonecos, mochilas, games e roupas do herói que se transforma em diferentes “aliens”. Nem a franquia “Dragon Ball”, da “TV Globinho”, chega a vender tanto quanto o herói com o relógio Omnitrix. A Globo aposta em alguns desenhos igualmente antigos, mas que mantêm o interesse do público mirim. “Três espiãs demais” é uma das raras produções francesas na tevê brasileira e que continua a ser bem-aceita especialmente pelas garotas. Mas é o velho e simpático “Bob Esponja” que continua a ser um dos grandes trunfos da emissora. A surreal história de uma ingênua esponja, que trabalha como cozinheiro na lanchonete Siri Cascudo e tem como amigos a estrela do mar Patrick e o polvo ranzinza Lula Molusco, conquistou rapidamente a audiência norte-americana e depois a de meio mundo. Em 2009, quando fez 10 anos de criação, seu franchise chegou à absurda cifra de oito bilhões de dólares, para a alegria de seu criador, o biólogo Stephen Hillenburg. Com humor cínico que diverte os adultos e história simples de fácil entendimento pelas crianças, o personagem chegou a ser atacado por ser paranóico, obtuso e cripto-homossexual. Ele absorveu bem as críticas e continua a agradar pais e filhos com suas calças curtas e gravata careta. E, mesmo tornando-se um ícone gay, Hillemburg deixou claro que, como toda a boa esponja, Bob não tem sexo.

Eleições

Juiz não vê propaganda antecipada de Beto Pereira e mantém publicação em rede social

Ministério Público Eleitoral havia ajuizado reclamação contra pré-candidato tucano à prefeitura de Campo Grande

18/07/2024 19h33

Deputado federal Beto Pereira, em ato de pré-campanha

Deputado federal Beto Pereira, em ato de pré-campanha Reprodução

Continue Lendo...

As convenções só começam no próximo sábado (20), mas nos tribunais, a eleição já começou. Nesta semana, o juiz da 44ª Zona Eleitoral de Campo Grande, David de Oliveira Gomes Filho, negou pedido do Ministério Público Eleitoral (MPE) para retirar postagens do deputado federal e pré-candidato a prefeito da Capital, Beto Pereira (PSDB), de suas redes sociais.

O MPE alegou que Beto Pereira fez impulsionamento de propaganda eleitoral de “modo não comedido”, e “sem moderação, proporcionalidade e transparência nos gastos”. Ainda alegou que Beto Pereira não informou seu CPF na publicação e, por esses e outros motivos citados, pediu condenação em multa e retirada da propaganda do ar.

David de Oliveira Gomes entendeu que não houve propaganda irregular. “Não foi pedido voto, não consta que os gastos sejam expressivos e muito menos imoderados”, alegou o juiz, que ainda entendeu que a publicação de Beto Pereira não fere a legislação.

A decisão foi publicada na noite desta quarta-feira (17), mas a representação foi ajuizada no dia 5 deste mês. A propaganda atacada pelo Ministério Público é um vídeo de uma conversa entre Beto Pereira e o governador Eduardo Riedel (PSDB), ocasião em que são destacados os dizeres: “Campo Grande está precisando disso” e “pago pelo Beto”.

 

Assine o Correio do Estado

ELEIÇÕES 2024

Sábado abre o período de convenções e definições das candidaturas na Capital

O PT fará a primeira, o PSDB a segunda e PP e União Brasil realizarão o evento político a dois dias do fim do prazo final

18/07/2024 08h00

As convenções oficializarão os nomes de  Camila Jara, Beto Pereira, Rose Modesto e Adriane Lopes

As convenções oficializarão os nomes de Camila Jara, Beto Pereira, Rose Modesto e Adriane Lopes Foto: Montagem

Continue Lendo...

Pela Resolução nº 23.738/2024, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que aprovou em fevereiro deste ano o calendário oficial das eleições municipais do próximo dia 6 de outubro, no sábado, dia 20 de julho, terá início o prazo oficial das coligações partidárias para a escolha de candidatas e candidatos aos cargos de prefeito, vice-prefeito e vereador.

E, em Campo Grande (MS), o primeiro partido a oficializar as respectivas candidaturas para o pleito municipal deste ano será o PT, às 10 horas, do próximo sábado, dia 20 de julho, no diretório estadual, localizado na Rua Das Garças, 2.320, no centro da cidade, homologando os nomes da deputada federal Camila Jara como candidata a prefeita e do deputado estadual Zeca do PT como candidato a vice-prefeito.

Já na próxima quinta-feira, dia 25 de julho, a partir das 19 horas, será a vez do PSDB, que também realizará no diretório estadual, localizado na Avenida Ministro João Arinos, 156, Bairro Chácara Cachoeira, quando serão oficializados os nomes do deputado federal Beto Pereira como candidato a prefeito e, provavelmente, da coronel PM Neidy Nunes Barbosa (PL) como candidata a vice-prefeita.

No dia 3 de agosto, antevéspera do prazo final estabelecido pela TSE, ou seja, dia 5 de agosto, teremos as convenções do União Brasil e do PP, sendo que, no caso do primeiro partido, o evento político será às 9 horas no diretório estadual da legenda, que fica na Rua Pedro Celestino, 437, na região central, oficializando o nome da ex-deputada federal Rose Modesto como candidata a prefeita, enquanto o nome do candidato a vice-prefeito ainda não foi informado.

Já os progressistas farão a convenção a partir das 16 horas, também no diretório estadual do partido, localizado na Travessa Zezé Flôres, 1.006, no Bairro Santa Fé, quando será oficializada a candidatura à reeleição da atual prefeita Adriane Lopes, sendo que o nome do candidato a vice-prefeito também não foi informado pela direção da sigla partidária.

Após a definição das candidaturas, as agremiações terão até o dia 15 de agosto para registrar os nomes na Justiça Eleitoral, enquanto o dia 16 de agosto marca o início da propaganda eleitoral, sendo que, até lá, qualquer publicidade ou manifestação com pedido explícito de voto pode ser considerada irregular e é passível de multa.

DEMAIS PARTIDOS

Os pequenos partidos, chamados de “nanicos” devido à baixa capilaridade eleitoral, também já marcaram as datas das suas respectivas convenções e, no caso do PSOL, a data é o dia 23 de agosto, às 19 horas, no diretório estadual, que fica Avenida Centaurea, 19, no Bairro Cidade Jardim, para oficializar o cientista social Luso Queiroz como candidato a prefeito e da servidora pública Lya Santos (Rede) como candidata a vice-prefeita.

Já o Novo vai realizar a convenção no dia 30 de julho para oficializar a candidatura a prefeito do pecuarista Beto Figueiró, sendo que o local não foi informado e nem o nome do candidato a vice-prefeito. 
O PRD vai realizar o seu encontro para oficializar a candidatura do vereador Professor André Luís no dia 3 de agosto, entretanto o local e o horário não foram informados.

O PCO informou ao Correio do Estado que a data para a realização da convenção partidária será definida somente na próxima semana pela Executiva nacional da legenda, entretanto, o local será o diretório estadual, que fica na Rua Presidente Dutra, 404, Bairro Monte Castelo. 

Na ocasião, serão homologados os nomes de Jorge Batista como candidato a prefeito e da Professora Rosângela como candidata a vice-prefeita pelo partido.

Saiba - PT fará convenção “extra” para Gleisi

O presidente municipal do PT, Agamenon Rodrigues do Prado, informou que no dia 3 de agosto o partido fará uma espécie de “convenção”, na Câmara de Vereadores, para recepcionar a presidente nacional Gleisi Hoffmann, que contará com as lideranças regionais, bancada federal, bancada estadual e outras lideranças nacionais. “Queremos fazer uma grande festa e apresentar a nossa chapa majoritária, com Camila Jara e Zeca, e chapa proporcional, com candidatos a vereadores e vereadoras”.

Assine o Correio do Estado

NEWSLETTER

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo.

Fique Ligado

Para evitar que a nossa resposta seja recebida como SPAM, adicione endereço de

e-mail [email protected] na lista de remetentes confiáveis do seu e-mail (whitelist).