Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

NOVIDADE

A nova versão da Scrambler Icon

A Ducati apresenta, via “Live”, a moto que custa R$ 48.990
22/05/2020 07:14 - Aldo Tizzani, Automotrix, Minuto Motor


Em tempos de pandemia da Covid-19, as marcas de automóveis, caminhões, ônibus e motocicletas estão apresentando suas novidades por intermédio de plataformas digitais. Com a nova versão da Scrambler Icon não foi diferente. A Ducati do Brasil fez transmissão multiplataforma pelas redes digitais – Instagram, LinkedIn e YouTube –, na manhã de 13 de maio. A moto foi atualizada em termos estéticos, além da adoção de novos sistemas de segurança. Destaque para o ABS com atuação em curvas, luzes de condução diurna e setas em leds. Chega a partir desta semana na rede de concessionárias e custa R$ 48.990. “Mais moderna e tecnológica, a nova versão da Scrambler Icon é o primeiro lançamento da marca no Brasil, mas teremos outras novidades para 2020”, avisa Diego Borghi, presidente da Ducati do Brasil.  

Em termos tecnológicos, o ABS Cornering Bosch, ou ABS de curvas, foi o destaque na apresentação da moto clássica com ar contemporâneo. “Trata-se de uma tecnologia já presente em nossas motos esportivas e agora compõe também a nossa Scrambler Icon. Então, basicamente, o ABS da moto é capaz de reconhecer que ela está inclinada e cumprindo a trajetória de uma curva”, destaca Matheus Amaral, representante do pós-vendas e marketing de produto da marca. Na prática, o sistema corrige rapidamente essa intervenção do piloto e não deixa que o freio dianteiro trave. Assim, a frenagem dianteira não ocorre na totalidade e o sistema ABS pulsa, para que não aconteça travamento e posterior escorregamento. Nisso, o controle de tração da moto também entra em ação, equilibrando a potência do motor, de modo a restaurar o controle. “Assim, é possível manter a trajetória durante curvas, mesmo em frenagens bruscas, reduzindo o risco de quedas”, complementa Amaral.

 
 

Esteticamente, a Scrambler Icon traz uma nova gota aplicada no tanque. O farol ganhou um novo desenho e agora é acompanhado de luzes de condução diurna e piscas em leds. As rodas são em alumínio fundido e conta com 10 raios. A moto traz nova ponteira de escape. O motor recebeu um acabamento preto, com aletas escovadas. Já o clássico painel da Scrambler exibe novos elementos gráficos e marcador de marcha e de combustível, muito útil para os menos experientes. Em termo de ergonomia e conforto, a Icon ganhou novo assento. Mudou a estrutura do banco e a espuma tem uma densidade mais adequada para oferecer o máximo de conforto e, consequentemente, tornar a pilotagem ainda mais confortável. Para ajudar, a suspensão traseira foi retrabalhada, com melhora na absorção de impactos.

A Scrambler Icon é movida pelo motor Desmodue com 803 cc e dois cilindros em “L”. Conta com novo mapeamento de ECU (cérebro eletrônico da moto). A atualização do software de gerenciamento eletrônico permitiu que as respostas do motor sejam mais suaves, com uma curva de potência e torque muito plana, entregando 73 cavalos e 6,8 kgfm, já na faixa de 5 mil rpm. Além disso, o modelo ganhou acionamento hidráulico na embreagem.

 
 

Felpuda


As definições no que se relaciona aos nomes para a disputa eleitoral vêm ocorrendo aqui e acolá. Pré-candidato que sonha comandar cidade o interior poderá deixar de ver o seu sonho realizado. É que o dito-cujo terá de enfrentar as lembranças de rumoroso caso que se tornou escândalo depois da denúncia de uma servidora. Há quem garanta que é só a campanha começar para a história ser contada capítulo por capítulo. Afe!