Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

CARMAIS

Confira dicas e novidades sobre automóveis

Pré-venda do Audi R8 no Brasil e, a versão Action 1.6 do Hyundai Creta
24/05/2020 17:16 - Daniel Dias/AutoMotrix


A farra dos bacanas

Apenas uma semana depois do início da pré-venda com personalização do Audi R8 no Brasil, todas as unidades disponíveis foram vendidas. Por questões estratégicas, a Audi não divulga quantas unidades foram comercializadas na pré-venda do modelo. Um dos automóveis mais desejados do mundo, o superesportivo R8 chega ao mercado brasileiro no segundo semestre deste ano para todos os proprietários que já escolheram seu modelo. A produção será iniciada nas próximas semanas e a previsão é de que os veículos sejam entregues em setembro, sempre de acordo com as orientações do Ministério da Saúde. “O sucesso na pré-venda do R8 é uma demonstração clara da paixão dos consumidores brasileiros pelo mais icônico superesportivo da Audi. Além disso, as múltiplas possibilidades de personalização do produto, antes mesmo de o veículo ser fabricado, proporcionaram aos nossos clientes uma experiência única e absolutamente exclusiva, tornando o processo de reserva ainda mais especial”, comemora Johannes Roscheck, CEO e presidente da Audi do Brasil. O modelo permanece disponível para encomendas com prazo de entrega no início de 2021. Solicitações podem ser feitas pelo site oficial (audi.com.br) ou diretamente com a concessionária, de forma online. Os novos interessados terão acesso ao catálogo da linha 2021 do Audi R8 para escolher a personalização do modelo. Nele constam todos os itens e os detalhes para uma escolha precisa de acordo com o desejo do cliente. Ao todo, são quase 1,6 milhão de combinações possíveis para o Audi R8, o que possibilita um nível de personalização único em dez itens do veículo: cores da carroceria, “side blade”, acabamento externo, capa do retrovisor, cor do logotipo da Audi, design de rodas de 20 polegadas, pinças de freio, acabamento interno, forro do teto e padrão do revestimento dos assentos. Para o Brasil, o R8 personalizado custa R$ 1.234.990.

 
 

O “verde” da série Número 1

A BMW lança em seu canal de vendas no Instagram (@bmwdobrasil) o novo 330e M Sport, por R$ 297.950. Os interessados devem fazer o cadastro na plataforma, que encaminhará as informações para a Rede BMW concluir as negociações. Produzido em Munique, Alemanha, o modelo híbrido plug-in do automóvel (Série 3) mais vendido da história da fabricante alemã chega para ampliar a gama disponível no Brasil, que já conta com as versões 320i Sport, 320i Sport GP, 320i M Sport e 330i M Sport. É a primeira vez que a BMW lança um produto por meio de redes sociais no país. O sistema plug-in do 330e M Sport desenvolve potência combinada de 292 cavalos (34 cavalos a mais do que a versão 330i M Sport) e torque combinado de 43 kgfm (21 kgfm a mais), garantindo um desempenho invejável, segundo a marca alemã, com aceleração de zero a 100 km/h em 5,9 segundos e velocidade máxima de 230 km/h. Isso ocorre graças à combinação do propulsor BMW TwinPower Turbo 2.0 de quatro cilindros a combustão, com 184 cavalos de potência (de 5 mil a 6.500 rpm) e 31 kgfm de torque (de 1.500 a 4 mil rpm), com o elétrico e uma bateria de íons de lítio de alta voltagem de 12 kWh, que entregam a potência equivalente a 113 cavalos (a 3.170 rpm) e 26 kgfm de torque instantâneo. “Aumentamos o poder de escolha do cliente com mais alternativas para este modelo que é um clássico da BMW. Tecnologia, custo total de propriedade e esportividade estão ainda melhores no sedã premium mais vendido no Brasil. Optamos por oferecer esse modelo em nosso canal do Instagram levando ainda mais comodidade aos clientes que podem concluir o processo com a rede de concessionárias sem sair de casa”, afirma Roberto Carvalho, diretor Comercial da BMW do Brasil.

 
 

Tempo de recomeçar

A General Motors retomou a produção de veículos no Brasil nesta segunda-feira, dia 18 de maio, após parada causada pela pandemia da Covid-19. O reinício é gradual e exclusivamente para o turno da manhã no primeiro momento. A companhia desenvolveu um rígido protocolo de segurança que tem como objetivo manter o novo coronavírus fora de suas instalações, prevenir a propagação dentro da empresa e gerenciar de forma efetiva casos suspeitos ou confirmados. “Antes mesmo de pararmos a produção, uma equipe multifuncional começou a trabalhar no novo protocolo de segurança. Ele é baseado nas orientações globais da GM e aprendizados que tivemos das nossas operações na China e na Coreia do Sul. Também por isso, estamos disponibilizando o nosso guia de orientação para empregados com o intuito de difundir boas práticas que podem ser úteis para outras entidades e para a comunidade em geral na luta contra a Covid-19”, explica Luiz Peres, vice-presidente de manufatura da GM América do Sul. A GM manterá as outras duas novas atividades do Complexo Industrial de São Caetano do Sul (SP), iniciadas durante a paralisação: a reparação de respiradores e a linha de produção de máscaras de proteção. O foco na retomada na unidade paulista será na fabricação do novo Tracker. O SUV, lançado no início do período de quarentena no país, está tendo uma boa aceitação pelos brasileiros. “Estamos atendendo em todo o Brasil por meio das vendas online pelos sites chevrolet.com.br e ofertaschevrolet.com.br e em nossas lojas abertas nas regiões em que há permissão para atuação do comércio”, avisa Hermann Mahnke, diretor executivo de Marketing da GM América do Sul.

 
 

Reposição na gama

Para reforçar a relação custo-benefício do SUV Creta, a Hyundai Motor Brasil lançou a versão Action 1.6 com câmbio automático, reposicionando a Attitude 1.6 com transmissão manual como opção de entrada. A nova versão chega ao mercado com preço de R$ 79.990 com todos os equipamentos da Attitude Plus automática, retirada de produção, somando barras de teto, rádio BlueÁudio, alto-falantes traseiros, controle de estabilidade, assistente de partida em rampa, sinalização de frenagem de emergência, piloto automático, sensor de estacionamento traseiro, vidros elétricos com função um toque e antiesmagamento e fechamento e abertura automática dos vidros por meio da chave. “O Creta sempre se destacou por reunir o pacote mais competitivo da categoria, com grande espaço interno, tanto para passageiros quanto para bagagem, condução agradável e motorização de alto desempenho. Atualizamos a gama de versões com a chegada da Action abaixo de R$ 80 mil e tornamos a opção com câmbio mecânico mais acessível para aqueles que querem ter seu primeiro SUV”, conta Angel Martinez, vice-presidente comercial da Hyundai Motor Brasil. Para todas as versões, estão disponíveis seis cores: Preto Onix, Branco Atlas, Prata Sand, Prata Brisk, Cinza Silk e a novidade Azul Sapphire. Também inédita, a cor Verde Amazon começa a ser oferecida sob encomenda.

 
 

Primeiro na Ásia

O Kicks foi lançado mundialmente no Brasil em 2016, por ocasião da Olimpíada do Rio, e logo se tornou o modelo mais vendido da Nissan no país. A primeira reestilização no SUV compacto, no entanto, será promovida na Tailândia. O crossover ficará ainda mais bonito, com a nova identidade visual da marca japonesa, além de se tornar o terceiro modelo da fabricante a utilizar o sistema híbrido e-Power. O novo estilo será incorporado ao carro produzido no Complexo de Resende (RJ) no próximo ano. A versão eletrificada está prevista para chegar ao Brasil em 2022, se realmente vier. No Kicks renovado, como a grade frontal cresceu bastante, a Nissan teve de repaginar também toda a frente do veículo, ficando mais agressiva. O novo Kicks deveria ter sido apresentado aos brasileiros no Salão do Automóvel de São Paulo de 2020, cancelado devido à pandemia do coronavírus.

 
 

Prazo camarada

Em abril, a Jeep chamou a atenção com uma campanha comercial inovadora, desenvolvida para dialogar com as necessidades do cliente no momento sensível de união contra a Covid-19. A iniciativa da marca do Grupo FCA lançou uma ação inédita no mercado, pagando todas as parcelas deste ano do Renegade e do Compass. Ou seja, o cliente, depois de uma entrada, só começa a pagar as mensalidades a partir de 2021. Com o sucesso do plano comercial, a Jeep decidiu prorrogar a campanha até 4 de junho. O prazo anterior se encerrava no dia 5 de maio. “Nestes tempos de incertezas, a Jeep desenvolveu a campanha e uma plataforma integrada pensada para manter saudável toda a nossa rede. Com essa iniciativa conjunta, seguimos na liderança em SUVs em abril e conseguimos bater recordes de acessos ao nosso site e de leads no mês, fazendo até com que algumas concessionárias recontratassem vendedores para dar vazão ao atendimento dos possíveis novos clientes”, comemora Everton Kurdejak, diretor de Vendas da Jeep. Até 4 de junho, a Jeep pagará até oito das primeiras parcelas de quem comprar um Renegade ou um Compass. Por exemplo, se o cliente der 75% do valor do carro como entrada e parcelar em trinta e seis vezes o restante, a fabricante arca com o pagamento dos oito primeiros meses, incluindo janeiro de 2021.

 
 

Para rodar limpo

Manter o carro limpo especialmente por dentro é mais do que um bom procedimento contra o coronavírus. O volante é provavelmente o primeiro item quando o assunto é limpeza, por ser a parte do carro em que o motorista mais tem contato. Mas as maçanetas e puxadores das portas, as alavancas de câmbio e os botões, como os do som e do acionamento dos vidros elétricos, também são itens importantes. Para higienizar o automóvel, o melhor é utilizar uma solução de detergente e água, passando cuidadosamente nas partes mais sensíveis. Uma opção é o uso de álcool 70°. Outra boa dica é aspirar as partes internas do veículo, como bancos e carpetes, e prestar atenção na sujeira que pode ficar acumulada nas costuras. Também é válido higienizar os assentos com água e sabão, lembrando de remover esses produtos com um segundo pano seco, para as bactérias não permanecerem na superfície. Para o transporte de passageiros, é ideal que todos estejam com as mãos limpas, com o carro se movimentando com as janelas abertas para a maior circulação de ar. Se o veículo for dirigido por um manobrista em estacionamento, as partes mais tocadas devem passar por nova higienização.

Felpuda


Candidato a vereador caiu em desgraça, pelo menos em um dos bairros de Campo Grande, ao promover comício em ginásio de esporte, com direito a ônibus lotados e espoucar de muitos fogos de artifício.

Aí dito-cujo foi alvo de muitas críticas, tanto pela zoeira causada, como por ter mandado às favas quaisquer cuidados na prevenção da Covid-19, ao promover grande aglomeração. Irresponsabilidade é pouco, hein?!