Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

ATENDIMENTOS

Carnaval 2020 teve 65 feridos; um deles é policial

PM teve o pescoço cortado por pedaço de vidro
26/02/2020 11:27 - Izabela Jornada


Nos cinco dias de festa, carnaval 2020 registrou oito esfaqueados e um dos feridos é policial do Batalhão de Choque.

De acordo com informações da polícia, à meia-noite desta quarta-feira (26), no último dia do carnaval em Campo Grande, equipe do Batalhão de Choque chegou na Avenida Fernando Corrêa da Costa e antes de se posicionarem, grupo teria jogado cacos de vidro contra a guarnição. Um dos pedaços da garrafa atingiu pescoço de um policial. Ele foi socorrido e levado para um hospital da Capital. Ainda de acordo com o Choque, o PM não corre risco de morrer.

O policial é uma das oito vítimas de ferimentos por arma branca. Todas as ocorrências foram decorrentes do abuso de álcool e drogas.

Dos ferimentos por arma de fogo, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), registrou sete ocorrências e a coordenadoria da Secretaria de Saúde do município (Sesau) registrou um atendimento. O ferido atendido pela Sesau era uma adolescente de 14 anos que levou um tiro no braço.

No total, a coordenadoria da Sesau registrou 184 atendimentos nos três lugares que ocorreram a festa, durante esses cinco dias de carnaval, na Esplanada Ferroviária, na Avenida Fernando Corrêa da Costa e na Praça do Papa.

O balanço do Samu apontou também 938 atendimentos durante o período de carnaval e 617 envios de ambulâncias; 70 atendimentos decorrentes de acidentes de trânsito.

O Serviço de Atendimento Móvel registrou também 49 atendimentos de pessoas agredidas por outras e 52 atendimentos de pessoas que exageraram no uso de álcool e drogas.

BALANÇO

Levantamento da Sesau e do Samu apontam, aproximadamente, 78 atendimentos feitos em adolescentes que entraram em coma alcoólico. Nos dois primeiros dias, esse número era de 35 atendimentos. O caso mais emblemático foi o de um menino de apenas 12 anos, vítima mais nova no carnaval deste ano.

 

Felpuda


Figurinha carimbada ganhou o apelido de “biruta”, instrumento que indica direção do vento e, por isso, muda constantemente. Dizem que a boa vontade até existente ficou no passado, e as reclamações são muitas, mas muitas mesmo, diante das decisões que vem tomando a cada mudança de humor do eleitorado. Como bem escreveu o poetinha Vinicius de Moraes: “Se foi pra desfazer, por que é que fez?”.