Cidades

CASAS

De quarto a escritório, veja os possíveis usos de um sótão

De quarto a escritório, veja os possíveis usos de um sótão

Continue lendo...

O espaço entre o telhado e a laje da casa é quase sempre subestimado na arquitetura brasileira. Quando muito, serve de depósito de bagunça (principalmente material de construção), com fiação exposta e a indefectível caixa-d’água. É, numa palavra, um forro. No entanto, com um pouco mais de espaço – e de bom gosto –, é possível aproveitar melhor esse cômodo e transformá-lo num sótão. Para a designer de interiores Rosângela Pimenta, de São Paulo, são várias as utilidades que podem ser dadas ao ambiente. Uma das mais comuns é quarto de hóspedes. “Desde que o teto tenha a altura adequada, essa é uma ótima alternativa. Porém, a proximidade com o telhado torna necessária a instalação de um ar-condicionado, pois o espaço pode se tornar abafado demais, especialmente no verão”, afirma.

Há quem prefira fazer um escritório. Não por acaso: o cômodo fica mais isolado do restante da residência, garantia de mais tranquilidade para se trabalhar. “Para ocupar os espaços de acesso mais difícil, próximos ao telhado, é interessante usar estantes baixas e bancadas, que podem ser improvisadas com cavaletes”, sugere a arquiteta Mayra Munhoz, também de São Paulo. Um dos principais desafios para tornar o sótão funcional é dar um jeito de se chegar facilmente até ele. Alguns moradores optam por escadas que se fecham, para não atrapalhar a circulação dos ambientes de baixo. As especialistas, porém, recomendam um modelo fixo, especialmente se crianças quiserem ter acesso ao cômodo.

“Outro cuidado que se deve ter é em relação ao chão, que muitas vezes precisa de um tratamento acústico diferenciado, pois a laje raramente é elaborada de modo a abafar os ruídos. Um tipo de piso bastante usado para essa finalidade é o vinílico”, diz Rosângela.

Aproveitando os espaços
A grande inclinação do telhado pode dificultar o aproveitamento de boa parte do sótão. Nesse caso, uma opção é colocar estantes ou assentos tipo tatame nos pontos mais baixos. “Você também pode fechar esses locais e utilizar como uma espécie de armário, evitando que as pessoas batam a cabeça no teto”, propõe a designer de interiores.

O telhado também dificulta a entrada de luz no ambiente. Por esse motivo, o mais indicado é apostar em janelas e vitrais. Isso, no entanto, precisa estar previsto no projeto da residência, caso contrário, vai implicar uma série de adaptações para evitar infiltração pelas telhas, por exemplo. “Se a iluminação natural não for suficiente para todo o local, também podemos projetar iluminação artificial, com lâmpadas apropriadas e luminárias aconchegantes, como arandelas e abajures”, diz Mayra.

Capital

Após bebedeira com amigos, jovem é atingido por tiro enquanto dormia em veículo

Em depoimento, o jovem relatou que os amigos estavam alcoolizados e ele decidiu dormir no veículo, momento em que foi atingido por tiros.

14/07/2024 18h30

Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário/ Depac Cepol

Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário/ Depac Cepol Divulgação/

Continue Lendo...

Um jovem de 20 anos foi socorrido para o hospital na manhã deste domingo (14), após ser atingido por um tiro enquanto dormia dentro de um veículo na região do Bairro Centro-Oeste, na zona sul de Campo Grande.

Conforme o registro da ocorrência, a vítima relatou aos militares que estava bebendo com amigos, decidiu entrar no veículo para ir embora e acabou dormindo.

Ainda durante o interrogatório, o jovem disse que os amigos com quem estavam, estariam alcoolizados. 

Neste momento, dois homens teriam passado na rua e efetuado disparos de arma de fogo e depois fugiram do local. Os tiros acertaram a região lombar da vítima.   

As equipes da Polícia Civil e investigadores da Delegacia de Homicídios estiveram no local. O carro onde a vítima estava passou pela perícia e também foi encaminhado a delegacia. 

De acordo com o depoimento do jovem, ele disse aos policiais que não teria interesse nas investigações. 

Mesmo com a vítima não querendo que o caso seja investigado, o caso foi registrado na  Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitária) do Cepol (Centro Especializado de Polícia Integrada) como homicídio na forma tentada.

Casos de homicídios em Campo Grande 

Conforme informações da Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública), foram 61 casos de homicídios em Campo Grande. Em Mato Grosso do Sul, foram 180 registros nesses primeiros sete meses. 
 

 

Assine o Correio do Estado

CLIMA

Sul do estado ainda terá baixas temperaturas durante a semana

Ponta Porã pode registrar mínima de 7º graus nesta segunda-feira (15)

14/07/2024 18h30

Temperatura só deve subir na próxima quarta-feira (17)

Temperatura só deve subir na próxima quarta-feira (17) Arquivo Correio do Estado

Continue Lendo...

O cenário de frio e baixas temperaturas deve permanecer em algumas cidades de Mato Grosso do Sul nesta semana, conforme informações divulgadas pelo Inmet (Instituto Nacional de Meterologia). Na fronteira com o Paraguai, a cidade de Ponta Porã pode registrar mínima de 7ºC.

Em Dourados, também no sul do Estado, está prevista temperatura mínima de 8ºC nesta segunda-feira (15). Os termômetros em Mato Grosso do Sul apresentaram queda nos últimos dias, devido a uma massa de ar polar que foi trazida pela passagem de uma frente fria.

O frio também não poupou outros municípios do estado neste fim de semana. Em Amambai, os moradores enfrentaram 8°C, enquanto em Laguna Carapã, a mínima foi de 9,8°C. Outras cidades como Sete Quedas também seguiu essa tendência, registrando 6,3°C.

Em Naviraí, Nova Andradina e Ivinhema a semana deve continuar registrando baixas temperaturas. Ambas as cidades terão mínima de 10ºC e a máxima não passa dos 22ºC. 

Na Capital 

De acordo com o portal Clima Tempo, a previsão do tempo para Campo Grande indica baixas temperaturas nos próximos dias. A mínima nesta segunda-feira (15), será de 10ºC pela manhã e ao longo do dia, 22ºC. 

A previsão aponta Sol com algumas nuvens e com pouca probabilidade de chuva. O Sol deve aparecer durante o dia, sem nuvens no céu e com aumento de nebulosidade à noite.

Neste domingo (14), a Capital de Mato Grosso do Sul registrou mínima de 9ºC, com sensação térmica de 5ºC. Conforme o Inmet, o tempo só deve manifestar temperaturas mais altas a partir de quarta-feira (17).  


Assine o Correio do Estado 

 

 

NEWSLETTER

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo.

Fique Ligado

Para evitar que a nossa resposta seja recebida como SPAM, adicione endereço de

e-mail [email protected] na lista de remetentes confiáveis do seu e-mail (whitelist).