Cidades

TRÁFICO

MS apreende mais de 10% de toda cocaína barrada nos 27 estados

São 4 toneladas em apenas cinco meses, diante das 39 toneladas apreendidas no País

Continue lendo...

Mato Grosso do Sul já apreendeu mais de 10% de toda a cocaína interceptada pela Polícia Federal nos 27 estados brasileiros, apesar de ser apenas um corredor desse tipo de entorpecente e ter a fronteira com o Paraguai como uma de suas principais portas de entrada para o tráfico de drogas e armas.

Dados da Federal indicam que nos primeiros cinco meses deste ano foram retidas, pela própria PF, cerca de 39,3 toneladas de cocaína em todo o País, contra 23,2 toneladas no mesmo período do ano passado. O volume indica um aumento de 69,4% nas interceptações, de um intervalo para o outro. 

DESEMPENHO

Somente em Mato Grosso do Sul, nos mesmos cinco meses deste ano, foram apreendidas pela PF 4,04 toneladas de cocaína, diante de apenas 1,9 tonelada no mesmo período de 2018. De modo geral, o volume recolhido até maio já supera a cocaína apreendida no Estado durante todo o ano passado, quando chegou a 3,97 toneladas.

Nos levantamentos de cinco meses da Federal não estão computadas apreensões realizadas a partir de junho. No dia 27 do mês passado, por exemplo, o organismo policial apreendeu 253 quilos do entorpecente na região de Maracaju. As embalagens de cocaína estavam acondicionadas no tanque de combustível de uma carreta que transportava milho. O motorista do veículo relatou que seguiria com a carga até o Porto de Santos (SP), uma das portas de saída da droga enviada em direção à Europa. 

Conforme a polícia, grande parte da cocaína que passa pelo Brasil vem da Bolívia e Colômbia, via Paraguai. Na prática, de grande produtor de maconha, o país vizinho transformou-se em corredor de cocaína.

Por essa rota, significativos carregamentos do entorpecente são levados de avião da Bolívia, ao Paraguai e depois entram no Brasil por terra, inclusive pelo Mato Grosso Sul, usando Ponta Porã e outros municípios fronteiriços. Para isso, são empregados caminhões de combustíveis ou de óleo vegetal, tanques de combustível de grandes veículos e cargas de minérios, produtos agrícolas e outros, rumo a portos como os de Santos (SP), Paranaguá (PR) e Itajaí (SC). 

Duas toneladas são apreendidas em portos

Somente nesta quinta-feira, mais de duas toneladas de cocaína foram apreendidas nos portos de Paranaguá (PR) e Santos (SP). Durante a madrugada, a Alfândega da Receita Federal interceptou 662 quilos da droga no Porto de Paranaguá. A carga, que seria levada para o Porto da Antuérpia, na Bélgica, estava distribuída em tabletes, dentro de um contêiner com madeiras.

O entorpecente foi localizado por meio do escâner em uma operação de rotina, junto da Polícia Federal, no Terminal de Contêineres do porto. 

Essa é a 13ª apreensão realizada pela Receita em 2019, em Paranaguá, totalizando 8,2 toneladas de cocaína.

Ontem, ainda pela manhã, pelo menos 1.425 quilos de cocaína foram encontrados em meio a fígado de frango congelado, no Porto de Santos. O carregamento foi interceptado no cais, antes de ser embarcado no navio Maersk Labrea para ser transportado até o Porto de Valência, na Espanha, por onde seria distribuído na Europa. A Receita Federal identificou três contêineres refrigerados suspeitos em um terminal da margem direita, na região da Alemoa. As caixas metálicas armazenavam oficialmente 70 toneladas de miúdos, mas imagens de escâneres e cães farejadores identificaram a cocaína. (TG)

susto

Sem a dupla, avião de Jads e Jadson faz pouso forçado em Campo Grande

A bordo estava apenas o piloto, que não se machucou e saiu ileso

26/05/2024 11h00

Avião da dupla Jads e Jadson que precisou fazer pouso

Avião da dupla Jads e Jadson que precisou fazer pouso "de barriga" DIVULGAÇÃO

Continue Lendo...

Avião de pequeno porte, pertencente a dupla sertaneja Jads e Jadson, fez pouso forçado, na tarde deste sábado (25), no Aeroporto Santa Maria, localizado na zona rural de Campo Grande.

Aeronave bimotor precisou fazer um pouso de emergência e “de barriga”. A dupla não estava no avião. A bordo, só havia o piloto. Não houve vítimas e ninguém se feriu.

Conforme apurado pela reportagem, durante o pouso, o avião se arrastou pela pista, deixando-a com marcas e faíscas.

A dupla sertaneja fez show Ponta Porã (MS) na sexta-feira (24) e em São Joaquim da Barra (SP) no sábado (25). Devido às condições climáticas, o trajeto MS-SP foi realizado por voo comercial.

Nas redes sociais, Jadson e Jadson gravaram um vídeo para tranquilizar os fãs.

“Viemos dar uma tranquilizada nos nossos fãs e amigos: hoje a tarde [25 de maio] aconteceu um incidente com a nossa aeronave em Campo Grande (MS), no Aeroporto Santa Maria, o qual a gente opera, mas a gente não estava na aeronave e muito menos em Campo Grande. A gente estava vindo em avião de linha. Fizemos show em Ponta Porã ontem, viemos para Ribeirão Preto e estamos em São Joaquim da Barra hoje [25 de maio], que é o nosso show daqui a pouco. Nosso piloto ligou dizendo o que tinha acontecido [com o avião], esse incidente que tinha pousado de barriga. A gente não sabe o porquê e nem o motivo. Vamos apurar as causas. Está tudo bem, piloto [também está bem], está tudo tranquilo, só o susto e danos materiais mesmo. Pode ficar todo mundo tranquilo”, disse a dupla em suas redes sociais.

De acordo com a dupla, ainda não se sabe as causas do acidente e as circunstâncias serão apuradas pelas autoridades competentes.

MATO GROSSO DO SUL

Semana começa com frio de 7ºC, mas vai terminar com calor de 30ºC

Início de semana será de frio, baixas temperaturas, clima gelado e céu nublado, mas o meio/fim de semana será de calor, sol, altas temperaturas e céu azul

26/05/2024 10h00

Céu com muitas nuvens em Campo Grande

Céu com muitas nuvens em Campo Grande MARCELO VICTOR

Continue Lendo...

Semana começou gelada “trincar os dentes” em Mato Grosso do Sul, mas vai terminar com um calorão “de rachar”. Ao longo da semana, o sul-mato-grossense vai ter que trocar o mate pelo tereré.

Domingo (26), segunda (27) e terça-feira (28) serão de frio, baixas temperaturas e céu nublado. Na quarta-feira (29), o clima gelado se despede, o sol reaparece e o tempo começa a esquentar.

Na quinta (30), sexta-feira (31) e sábado (1º), o calor volta com tudo e os termômetros subirão para 30ºC, com sol e céu azul.

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) divulgou alerta amarelo (perigo potencial) de declínio de temperatura para os 79 municípios de Mato Grosso do Sul.

Alerta amarelo (perigo potencial) de declínio de temperatura. Mapa: Divulgação/Inmet

Frente fria, aliada ao avanço de cavados e atuação de área de baixa pressão atmosférica, trouxe chuva e derrubou as temperaturas.

Após chuva de 50 milímetros na sexta-feira (24), Mato Grosso do Sul não tem previsão de chuva para esta semana. A chuva foi suficiente para aumentar a umidade relativa do ar, melhorar a qualidade de respiração, provocar leve queda nas temperaturas e “reanimar” a plantação de milho no Estado.

A 26 dias do início do inverno, as frentes frias ganham força e se tornam cada vez mais comuns no Estado. A tendência é que com o fim do outono e chegada do inverno, temperaturas baixam sejam registradas com maior frequência.

Confira as temperaturas mínimas deste domingo (26):

Município

Temperatura (ºC)

Sensação térmica (ºC)

Sete Quedas

9,3ºC

-

Amambaí

10,3ºC

-

Aral Moreira

7,4ºC

-

Juti

9,9ºC

 

Caarapó

11,2ºC

-

Laguna Carapã

11,2ºC

-

Ponta Porã

6,6ºC

2ºC

Jardim

11,5ºC

-

Bonito

10,3ºC

7ºC

Campo Grande

11,2ºC

8ºC

Três Lagoas

14,8ºC

-

Paranaíba

16,5ºC

-

Chapadão do Sul

13,5ºC

-

Corumbá

12,5ºC

9ºC

* Fonte: Natálio Abrahão

TCHAU FRIO, OI CALOR

O frio permanece até terça-feira (28) em Mato Grosso do Sul. Na quarta-feira (29), o clima gelado se despede, o sol reaparece e o tempo começa a esquentar. Na quinta (30), sexta-feira (31) e sábado (1º), o calor volta com tudo.

O início de semana será de frio, baixas temperaturas, clima gelado e céu nublado, mas o meio/fim de semana será de calor, sol, altas temperaturas e céu azul.

Entre extremos, Ponta Porã registrou mínima de 8ºC neste domingo (26), mas, no sábado (1º), terá calorão de 27ºC.

Isto porque a frente fria que está estacionada em Mato Grosso do Sul irá perder força, se afastar e dar espaço a uma massa de ar quente.

Com a proximidade do inverno, a tendência é que outras frentes frias atinjam o Estado nas próximas semanas.

“Pode começar a dar uma aquecida no meio da semana. Mas a noite e madrugada continua sendo fria, nessa época do ano como o ar é mais seco, a noite e madrugada a gente já sente o friozinho. o frio vai começando a, gradativamente, perder força na terça e quarta-feira. Eu diria que a partir de quarta, quinta-feira principalmente, as temperaturas começam a subir gradativamente”, disse o meteorologista do Inmet, Olívio Bahia, ao Correio do Estado.

CUIDADOS

De acordo com o Inmet, o ser humano deve tomar cuidados indispensáveis durante o frio. Confira:

  • Se agasalhe
  • Beba água
  • Evite tomar banhos muito quentes
  • Continue usando protetor solar
  • Evite ambientes pouco ventilados
  • Hidrate a pele
  • Cuide da alimentação
  • Não se exponha ao tempo

 

NEWSLETTER

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo.

Fique Ligado

Para evitar que a nossa resposta seja recebida como SPAM, adicione endereço de

e-mail [email protected] na lista de remetentes confiáveis do seu e-mail (whitelist).