Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

COPA DO BRASIL

Fluminense bate Paysandu com gol nos acréscimos

Fluminense bate Paysandu com gol nos acréscimos
20/08/2015 22:02 - band


Com um gol aos 48 minutos do segundo tempo, o Fluminense derrotou o Paysandu por 2 a 1, no Maracanã, no primeiro jogo das oitavas de final da Copa do Brasil. Após sair na frente com Magno Alves, o Tricolor permitiu o empate do 7º colocado da Série B e só conseguiu marcar o gol da vitória com uma bomba de Renato nos acréscimos.

O Fluminense criou a primeira boa chance do jogo aos 20 minutos. Após lindo passe de peito de Ronaldinho Gaúcho, Fred finalizou e o goleiro Emerson fez grande defesa. Já aos 31, Fred cabeceou e Emerson brilhou de novo ao evitar o gol em cima da linha.

O Paysandu respondeu aos 37. Yago Pikachu deu belo lançamento e Aylon bateu de primeira. A bola explodiu no peito do goleiro Júlio César e foi pra linha de fundo na última grande da primeira etapa.

Na volta do intervalo, Magno Alves foi para o jogo na vaga de Fred e a alteração deu resultado logo aos 10 minutos. Gustavo Scarpa cruzou na medida e o Magnata cabeceou com estilo para abrir o placar no Maracanã. Foi o primeiro gol do atacante veterano desde o seu retorno ao Tricolor.

Apesar do gol, o Papão não se intimidou e buscou o empate aos 26. Em bela cobrança de falta, Yago Pikachu deixou tudo igual e fez o tão sonhado com gol fora de casa.

E por pouco não teve a virada. O Paysandu criou mais duas boas chances até o fim da partida e só parou em grandes defesas de Júlio César.

Apesar dos sustos, o Flu encontrou o gol da vitória aos 48 minutos. Após cobrança de escanteio, a zaga do Papão afastou mal e Renato acertou uma pancada no ângulo para garantir o triunfo dramático.

Na próxima quarta-feira, às 19h30, Paysandu e Fluminense voltam a se enfrentar no Mangueirão, em Belém. O time carioca joga por um empate para avançar na Copa do Brasil. Já Paysandu precisa de uma vitória por 1 a 0.

Felpuda


Depois de se “leiloar” durante meses, e afirmando que estava até escolhendo o município para se candidatar a prefeito, ex-cabeça coroada não só não recebeu acenos amistosos, como também não encontrou portas abertas com tapete vermelho a esperá-lo. 

Assim, deverá pendurar as chuteiras e fazer como cardume em seu pesqueiro: nada, nada...