Clique aqui e acompanhe o resultado das Eleições 2020

FAIXA EXCLUSIVA

Dois novos corredores de ônibus terão investimentos de R$ 96,1 milhões

Entre as vias que terão corredores com faixa exclusiva estão a Rui Barbosa e Consul Assal Trad
13/08/2020 14:31 - Glaucea Vaccari


Campo Grande terá dois novos corredores do transporte coletivo com faixa exclusiva. Proposta foi aprovada pelo Ministério do Desenvolvimento Regional, que financiará R$ 91.334.232,00, com contrapartida de R$ 4,8 milhões da Prefeitura, totalizando R$ 96,1 milhões.

Projeto de mobilidade urbana prevê a implantação de corredores de ônibus norte e sul.

No corredor norte, estão previstas obras nas avenidas Cônsul Assaf Trad, Coronel Antonino e Mato Grosso, além das ruas Alegrete e 25 de Dezembro, fazendo a ligação dos terminais General Osório e Nova Bahia.

Já no corredor sul, passarão por intervenção a rua Rui Barbosa e a Avenida Costa e Silva.  

Projeto prevê obras de drenagem, requalificação das vias, recapeamento e estações de embarque, 

Contratação do empréstimo junto à União foi aprovada em dezembro do ano passado, pela Câmara Municipal.  

Recursos serão captados via Caixa Econômica Federal, através da linha de financiamento do programa Avançar Cidades – Mobilidade Urbana, no âmbito do programa Pró-Transporte.

De acordo com o Ministério do Desenvolvimento Regional, a proposta apresentada pela prefeitura cumpriu os requisitos exigidos e o financiamento foi aprovado.

Após a contratação do empréstimo, o passo seguinte será a contratação dos projetos executivos e depois a licitação das obras.

A contrapartida será de 5% do valor de investimento, com 48 meses de carência e 20 anos para pagamento.  

Encargos são de 6% de juros ao ano, podendo ser acrescida taxa diferencial de juros de até 2% e taxa de risco de crédito de até 1%.  

Após a contratação do empréstimo, o passo seguinte será a contratação dos projetos executivos e depois a licitação das obras.

Esses recursos vão complementar o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) Mobilidade Urbana, através de outro empréstimo, no valor de R$ 110 milhões. 

O projeto começou a ser executado em 2017 com o recapeamento das ruas Guia Lopes, Brilhante e Bandeirantes, do corredor sudoeste, que ainda está em andamento.

 
 

Felpuda


Tropas de choque ligadas a alguns vereadores estão agitadas que só nas redes sociais na tentativa de desbancar a concorrência das “chefias” que querem porque querem. Querem a cadeira maior da Câmara Municipal de Campo Grande. A da presidência.

Segundo políticos mais antenados, trata-se do “segundo turno” das eleições do dia 15 de novembro, só que com apenas 29 eleitores.