Correio B

cinema

História da banda Calypso vai virar filme

História da banda Calypso vai virar filme

Continue lendo...

A história do casal Chimbinha e Joelma, da banda Calypso, vai virar filme. "Isso é Calypso", título provisório do projeto, será dirigido por Caco Souza, de "400 Contra 1", e está em fase de captação. O roteiro ficará nas mãos de Josefina Trota e René Belmonte, autor do recente "Assalto ao Banco Central" e da série "Se Eu Fosse Você".

O filme deve misturar realidade e ficção para contar a trajetória do grupo, que já tem mais de 13 milhões de discos vendidos. O Calypso começou a carreira no final da década de 1990, misturando ritmos do norte brasileiro, latinos e caribenhos. Guitarrista virtuose, Chimbinha tocava nos subúrbios de Belém e Joelma se apresentava em Almerin, no interior paraense.

Sem gravadora, independente, o casal conseguiu arrebanhar uma base fiel de fãs, criou moda e acabou se impondo para a grande mídia. "Eles inovaram no som, na maneira como divulgaram seu trabalho e na fórmula que inventaram para que essa parceria na vida pessoal e nos palcos desse tão certo. É um exemplo com o qual o Brasil vai se encantar", afirma Caco Souza em comunicado.

"Isso é Calypso" será fruto de uma parceria entre as produtoras ViraLata Filmes e Black Maria. Os protagonistas ainda não foram selecionados e o cronograma do longa-metragem continua em aberto.

Correio B+

Moda B+: Jess Anjos defende moda circular: "Eu sou muito adepta"

A criadora de conteúdo acredito que a moda não é descartável

18/05/2024 20h00

Jess Anjos defende moda circular:

Jess Anjos defende moda circular: "Eu sou muito adepta" Foto: Divulgação

Continue Lendo...

Jess Anjos, criadora de conteúdo, bailarina profissional e ex-dançarina do programa Faustão, traz à tona sua visão única sobre moda e sustentabilidade. Anjos destaca a importância de uma moda que transcende o efêmero, defendendo uma abordagem circular em suas declarações.

"Eu amo moda e gosto muito de acompanhar às tendências, estar por dentro do que está rolando, mas isso não significa que eu sigo todas as tendências, só aquelas com as quais eu me identifico mesmo", revela Anjos, destacando sua relação seletiva com as tendências da moda contemporânea.

Questionada sobre sua preferência por brechós, Anjos expressa entusiasmo. "Eu sou  muito adepta, acredito que a moda ele tem que ser circular e não descartável!, "diz ela.

Quando o assunto é tendências atemporais, a bailarina demonstra uma perspectiva fluida: "Eu sou muito de ciclos, não sei se existe algo que eu irei usar pra sempre, porque meus gostos mudam com o tempo, o que eu amava na década passada hoje já não usaria nem que me pagassem rs então meus gostos se renovam dia a dia."

Além de suas reflexões sobre moda, Jess Anjos compartilha um ritual de beleza matinal essencial para ela. "Eu acordo, coloco uma música que eu amo e faço minha skincare para começar o dia leve", conta.

Ao abordar suas principais inspirações como dançarina e criadora de conteúdo, Anjos destaca figuras icônicas."Minhas grandes inspirações são meus ídolos, pessoas que eu sempre consumi desde me entendo como indivíduo. Rihanna, Beyoncé, Parris Goebel, Zach King, entre outros", aponta Jess Anjos.

Com uma visão que transcende os limites da moda convencional, Jess Anjos continua a inspirar não apenas como artista, mas como uma defensora da sustentabilidade e da expressão autêntica.

Correio B+

Destinos B+: Turismo de aventura na América do Sul: conheça os melhores destinos

Peru, Argentina, Chile, Colômbia e Brasil reservam paisagens e atrativos de tirar o fôlego para quem procura por fortes emoções

18/05/2024 18h00

Turismo de aventura na América do Sul: conheça os melhores destinos

Turismo de aventura na América do Sul: conheça os melhores destinos Foto: Reprodução/Freepik

Continue Lendo...

Aventureiro nenhum resiste a uma viagem repleta de belezas naturais e muitas atividades de tirar o fôlego. Desbravar florestas e se jogar nas águas cristalinas para a prática de mergulho, por exemplo, é um roteiro comum para quem busca por turismo de aventura e deseja adicionar uma dose extra de adrenalina na viagem.

Turismo de aventura é, segundo o Ministério do Turismo, aquele que compreende movimentos turísticos decorrentes da prática de programas de aventura de caráter recreativo.

Ou seja, esse segmento contempla destinos que possuem atividades como arvorismo, canoagem, mergulho, trilha e rapel como uns de seus atrativos principais.

A boa notícia é que brasileiros com espírito aventureiro não precisam viajar longas distâncias e nem possuir passaporte para conhecer os prazeres do turismo de aventura. Segundo o sócio-diretor da agência Capo Viagens, Orsini Nascimento, países da América do Sul como Peru, Argentina, Chile, Colômbia e até mesmo o Brasil reservam diversas experiências repletas de adrenalina e belezas naturais.

Antes de viajar, Orsini recomenda ter atenção com alguns pontos. “Em viagens como essas, é preciso ter cautela na hora de escolher as atividades. Lembre-se que elas precisam ser adequadas ao seu nível de habilidade e algumas necessitam da presença de instrutores e equipamentos específicos para serem realizadas. Além disso, é essencial verificar se há restrições de saúde e condições climáticas para não passar por nenhum sufoco durante a aventura”, aconselha.

O mesmo vale na hora de elaborar o roteiro da viagem, que deve ser planejado para que o aventureiro possa aproveitar o destino ao máximo, sem ter que se preocupar com acomodações, deslocamentos, tempo disponível e atividades.

Peru

Peru - Foto: Reprodução/Freepik

O cartão de visita do Peru costuma ser o sítio arqueológico de Machu Picchu, conhecido como a cidade perdida dos incas. O atrativo já proporciona uma dose extra de adrenalina, afinal, as montanhas majestosas são de tirar o fôlego. Mas o Peru também oferece outras opções de destinos para os aventureiros de plantão.

Segundo Orsini, no país é possível encontrar muitas opções de caminhadas, trilhas, tirolesas, bungee jump e escaladas que têm como cenários paisagens exuberantes para quem ama a natureza. Alguns dos atrativos mais populares no país são a trilha da geleira Pastoruri, a caminhada no Parque Del Amor, as tirolesas de Cusco e trekking no Vale do Colca e no Parque Nacional Huascarán.

Argentina

Argentina - Foto: Reprodução/Freepik

Os hermanos também são populares quando o assunto é aventura, principalmente se falamos da patagônia argentina. A região é o verdadeiro paraíso para quem ama adrenalina e conta com atividades para os aventureiros de carteirinha e também os iniciantes.

Orsini destaca que, na região, o turista pode encontrar muitas opções para trekking, escalada e rafting. Para quem vai especificamente para Bariloche, há outras atividades como esqui e moutain bike. Todas as atrações ganham ainda mais destaque, com paisagens que também são de tirar o fôlego.
 

Chile

Chile - Foto: Reprodução/Freepik

Conhecido por suas paisagens naturais únicas, o Chile também entra na lista de roteiros imperdíveis para amantes de aventura. As atrações são inúmeras e a maioria contém opções para todos os níveis, idades e gostos.

De acordo com Orsini Nascimento, o deserto do Atacama é um dos locais que precisam ser visitados por quem procura por aventura no país. No destino, há diferentes tipos de caminhadas, trekking, passeios de bicicleta e cavalgadas. Já na patagônia chilena, os turistas podem aproveitar para praticar escalada no gelo e rafting.

Cabe ressaltar que a aventura no Chile também pode ser encontrada na Cordilheira dos Andes, na Ilha Grande de Chiloé e na cidade de Pichilemu.

Colômbia

Colômbia - Foto: Reprodução/Freepik

No quesito turismo de aventura, a Colômbia não fica para trás. A topografia do país oferece todos os atributos necessários para a prática de atividades que unem belezas naturais com adrenalina.

Segundo o sócio-diretor da Capo Viagens, já nas praias da Colômbia é possível encontrar alguns atrativos que todo amante de aventura procura. Em San Andrés e Cartagena, por exemplo, há diferentes empresas que disponibilizam a prática de mergulho com cilindro e snorkel em águas cristalinas. Já na região de Santander, os turistas podem aproveitar trilhas, raftings e parapentes.

Na Colômbia e nos demais destinos citados acima, os brasileiros não precisam apresentar passaporte para entrar, desde que estejam com um documento de identidade em mãos. Na falta dele, o passaporte é essencial.

Brasil

Brasil - Foto: Reprodução/Freepik

No Brasil também é possível se jogar no turismo de aventura. Com atrativos de norte a sul, o país é o verdadeiro paraíso para quem procura por adrenalina. No Jalapão, em Tocantins, por exemplo, os aventureiros encontram belezas naturais que possibilitam a prática de trilhas, rafting, rapel e trekking.

Em Bonito, no Mato Grosso do Sul, as águas cristalinas são ideais para a prática de mergulho e snorkel. Já as montanhas e florestas oferecem aos viajantes a oportunidade de descer em tirolesas, praticar arvorismo, fazer trilhas, motocross e pular de bungee jump.

No Maranhão também há atividades de tirar o fôlego. É possível fazer trilhas de areia pelos lençóis maranhenses, passeios de jipe, boia-cross, rapel e até surfe na famosa Pororoca Maranhense.

NEWSLETTER

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo.

Fique Ligado

Para evitar que a nossa resposta seja recebida como SPAM, adicione endereço de

e-mail [email protected] na lista de remetentes confiáveis do seu e-mail (whitelist).