Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

EM PODCAST

Como Correio do Estado adiantou, Jorge Jesus comandará o Benfica

Técnico português pode levar dois jogadores para o time lisboeta
18/07/2020 10:51 - Estadão Conteúdo, Fábio Oruê


Flamengo anunciou na última sexta-feira (17), que o técnico Jorge Jesus estava deixando o cargo no rubro-negro para treinar o time português Benfica. O acontecimento já havia sido adiantado no Correio do Estado em duas oportunidades. 

No começo de março, o colunista esportivo Júnior Dário, havia revelado a bomba sobre Jorge Jesus, e voltou a tratar do assunto no último dia 7, quando o técnico já estava com pé no Benfica. O treinador deve viajar neste fim de semana para Portugal.

"O Clube de Regatas do Flamengo informa que, em reunião realizada na tarde desta sexta-feira (17), o técnico Jorge Jesus comunicou que, exercendo seu direito contratual, está se desligando do Clube para voltar para Portugal. Apesar de lamentar a perda de seu vitorioso técnico, o Flamengo respeita esta decisão pessoal", anunciou o clube.

Jorge Jesus comandou o Benfica entre 2009 e 2015 e teve passagem marcante pelo clube. E ele pode não ser o único a trocar o Rio por Lisboa. 

De acordo com a imprensa portuguesa, o treinador até já tem dois nomes do Flamengo na mira para levar com ele. Trata-se do volante Gerson e do atacante Bruno Henrique. Segundo o canal Sport TV, de Portugal, o Benfica estaria disposto a desembolsar cerca de R$ 180 milhões pelos dois atletas.

Em busca de um treinador, o Benfica anunciou semana passada que efetivou o auxiliar Nélson Veríssimo até o fim da atual temporada europeia, que foi retomada há cerca de um mês em Portugal em meio à pandemia do coronavírus. 

Veríssimo substitui temporariamente Bruno Lage, demitido na semana anterior, após resultados ruins da equipe que permitiram ao rival Porto abrir vantagem na liderança do Campeonato Português e ganhar a competição. O auxiliar vai cumprir mandato tampão à frente da equipe enquanto a diretoria busca novo treinador.

Já o Flamengo vai buscar um substituto para Jesus buscando a sequência da temporada. O clube exaltou o trajetória de sucesso do treinador ao confirmar a sua saída ontem.

"Nos 13 meses que Jorge Jesus dirigiu nosso time de futebol profissional, o Flamengo teve uma performance espetacular, conquistando a Copa Libertadores (2019), o Campeonato Brasileiro (2019), a Supercopa do Brasil (2020), a Recopa Sul-Americana (2020), a Taça Guanabara (2020) e, na última quarta-feira (15), o Campeonato Carioca (2020)", relembrou o clube.

"Em nome de toda a diretoria e dos 42 milhões de rubro-negros que formam a Maior Torcida do Mundo, o nosso maior agradecimento a ele e toda sua comissão técnica por tudo o que foi feito e o nosso desejo que continuem mantendo o enorme sucesso como tiveram conosco. O Flamengo, seguindo o que seu hino preconiza - e que tão bem Jorge Jesus representou - continuará no seu objetivo de sempre: Vencer, vencer, vencer!", concluiu o clube.

 
 

Felpuda


Apressadas que só, figurinhas tentaram se “apoderar” do protagonismo de decisão administrativa. Não ficaram sequer vermelhas quando se assanharam todas para dizer que tinham sido responsáveis pela assinatura de documento que, aliás, era uma medida estabelecida desde 2019. Quem viu o agito da dupla não pode deixar de se lembrar daquele pássaro da espécie Molothrus bonarienses, mais conhecido como chupim, mesmo. Afe!