Política

Política

MinC abre concurso para obras radiofônicas

MinC abre concurso para obras radiofônicas

Redação

17/03/2010 - 00h29
Continue lendo...

Uma novidade para quem curte rádio e deseja utilizar esse veículo para divulgação cultural. Até 28 de abril, estão abertas as inscrições para o Concurso de Apoio à Produção de Obras Radiofônicas Inéditas, nos gêneros Radiodocumentário ou Radioconto, sobre o tema “Diversidade cultural”. Primeira ação do Programa Rádio Brasil, o edital “Nossa onda” contemplará 52 projetos radiofônicos, com duração de 15 minutos cada. O Programa de Estímulo ao Rádio Brasileiro, Rádio Brasil, que foi criado em dezembro 2009, visa contribuir para o desenvolvimento das emissoras públicas, educativas, culturais, comunitárias, universitárias e legislativas de radiodifusão sonora e de rádio em plataformas digitais. A iniciativa é inédita no País. As ações serão implementadas, em conjunto, pelas Secretarias do Audiovisual (SAv/MinC), de Articulação Institucional (SAI/ MinC) e de Políticas Culturais (SPC/MinC). Podem se inscrever no concurso pessoas físicas que se apresentem como diretor ou como diretor e roteirista. Os selecionados receberão R$ 10 mil, cada um, para produzir em até 60 dias os trabalhos, e participarão, ainda, de uma oficina de desenvolvimento de projeto, com duração de cinco dias. A transmissão dos programas se dará por meio de uma ampla rede de emissoras comunitárias de todo o País. Lançado pelo Ministério da Cultura, o edital “Nossa onda” é realizado em parceria com a Associação Brasileira de Radiodifusão Comunitária (Abraço) e a Sociedade Amigos da Cinemateca (SAC). Com a implantação do Programa Rádio Brasil, o MinC quer fomentar a criação e a difusão de conteúdo radiofônico, com ênfase na produção independente. Para isso, pretende capacitar radialistas profissionais e demais realizadores ligados ao rádio brasileiro, além de investir na recuperação e preservação da memória do rádio nacional. Informações: www.culturadigital. br/nossaonda, [email protected] e (11) 3512-6111, ramal 237.

Eleições

Juiz não vê propaganda antecipada de Beto Pereira e mantém publicação em rede social

Ministério Público Eleitoral havia ajuizado reclamação contra pré-candidato tucano à prefeitura de Campo Grande

18/07/2024 19h33

Deputado federal Beto Pereira, em ato de pré-campanha

Deputado federal Beto Pereira, em ato de pré-campanha Reprodução

Continue Lendo...

As convenções só começam no próximo sábado (20), mas nos tribunais, a eleição já começou. Nesta semana, o juiz da 44ª Zona Eleitoral de Campo Grande, David de Oliveira Gomes Filho, negou pedido do Ministério Público Eleitoral (MPE) para retirar postagens do deputado federal e pré-candidato a prefeito da Capital, Beto Pereira (PSDB), de suas redes sociais.

O MPE alegou que Beto Pereira fez impulsionamento de propaganda eleitoral de “modo não comedido”, e “sem moderação, proporcionalidade e transparência nos gastos”. Ainda alegou que Beto Pereira não informou seu CPF na publicação e, por esses e outros motivos citados, pediu condenação em multa e retirada da propaganda do ar.

David de Oliveira Gomes entendeu que não houve propaganda irregular. “Não foi pedido voto, não consta que os gastos sejam expressivos e muito menos imoderados”, alegou o juiz, que ainda entendeu que a publicação de Beto Pereira não fere a legislação.

A decisão foi publicada na noite desta quarta-feira (17), mas a representação foi ajuizada no dia 5 deste mês. A propaganda atacada pelo Ministério Público é um vídeo de uma conversa entre Beto Pereira e o governador Eduardo Riedel (PSDB), ocasião em que são destacados os dizeres: “Campo Grande está precisando disso” e “pago pelo Beto”.

 

Assine o Correio do Estado

ELEIÇÕES 2024

Sábado abre o período de convenções e definições das candidaturas na Capital

O PT fará a primeira, o PSDB a segunda e PP e União Brasil realizarão o evento político a dois dias do fim do prazo final

18/07/2024 08h00

As convenções oficializarão os nomes de  Camila Jara, Beto Pereira, Rose Modesto e Adriane Lopes

As convenções oficializarão os nomes de Camila Jara, Beto Pereira, Rose Modesto e Adriane Lopes Foto: Montagem

Continue Lendo...

Pela Resolução nº 23.738/2024, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que aprovou em fevereiro deste ano o calendário oficial das eleições municipais do próximo dia 6 de outubro, no sábado, dia 20 de julho, terá início o prazo oficial das coligações partidárias para a escolha de candidatas e candidatos aos cargos de prefeito, vice-prefeito e vereador.

E, em Campo Grande (MS), o primeiro partido a oficializar as respectivas candidaturas para o pleito municipal deste ano será o PT, às 10 horas, do próximo sábado, dia 20 de julho, no diretório estadual, localizado na Rua Das Garças, 2.320, no centro da cidade, homologando os nomes da deputada federal Camila Jara como candidata a prefeita e do deputado estadual Zeca do PT como candidato a vice-prefeito.

Já na próxima quinta-feira, dia 25 de julho, a partir das 19 horas, será a vez do PSDB, que também realizará no diretório estadual, localizado na Avenida Ministro João Arinos, 156, Bairro Chácara Cachoeira, quando serão oficializados os nomes do deputado federal Beto Pereira como candidato a prefeito e, provavelmente, da coronel PM Neidy Nunes Barbosa (PL) como candidata a vice-prefeita.

No dia 3 de agosto, antevéspera do prazo final estabelecido pela TSE, ou seja, dia 5 de agosto, teremos as convenções do União Brasil e do PP, sendo que, no caso do primeiro partido, o evento político será às 9 horas no diretório estadual da legenda, que fica na Rua Pedro Celestino, 437, na região central, oficializando o nome da ex-deputada federal Rose Modesto como candidata a prefeita, enquanto o nome do candidato a vice-prefeito ainda não foi informado.

Já os progressistas farão a convenção a partir das 16 horas, também no diretório estadual do partido, localizado na Travessa Zezé Flôres, 1.006, no Bairro Santa Fé, quando será oficializada a candidatura à reeleição da atual prefeita Adriane Lopes, sendo que o nome do candidato a vice-prefeito também não foi informado pela direção da sigla partidária.

Após a definição das candidaturas, as agremiações terão até o dia 15 de agosto para registrar os nomes na Justiça Eleitoral, enquanto o dia 16 de agosto marca o início da propaganda eleitoral, sendo que, até lá, qualquer publicidade ou manifestação com pedido explícito de voto pode ser considerada irregular e é passível de multa.

DEMAIS PARTIDOS

Os pequenos partidos, chamados de “nanicos” devido à baixa capilaridade eleitoral, também já marcaram as datas das suas respectivas convenções e, no caso do PSOL, a data é o dia 23 de agosto, às 19 horas, no diretório estadual, que fica Avenida Centaurea, 19, no Bairro Cidade Jardim, para oficializar o cientista social Luso Queiroz como candidato a prefeito e da servidora pública Lya Santos (Rede) como candidata a vice-prefeita.

Já o Novo vai realizar a convenção no dia 30 de julho para oficializar a candidatura a prefeito do pecuarista Beto Figueiró, sendo que o local não foi informado e nem o nome do candidato a vice-prefeito. 
O PRD vai realizar o seu encontro para oficializar a candidatura do vereador Professor André Luís no dia 3 de agosto, entretanto o local e o horário não foram informados.

O PCO informou ao Correio do Estado que a data para a realização da convenção partidária será definida somente na próxima semana pela Executiva nacional da legenda, entretanto, o local será o diretório estadual, que fica na Rua Presidente Dutra, 404, Bairro Monte Castelo. 

Na ocasião, serão homologados os nomes de Jorge Batista como candidato a prefeito e da Professora Rosângela como candidata a vice-prefeita pelo partido.

Saiba - PT fará convenção “extra” para Gleisi

O presidente municipal do PT, Agamenon Rodrigues do Prado, informou que no dia 3 de agosto o partido fará uma espécie de “convenção”, na Câmara de Vereadores, para recepcionar a presidente nacional Gleisi Hoffmann, que contará com as lideranças regionais, bancada federal, bancada estadual e outras lideranças nacionais. “Queremos fazer uma grande festa e apresentar a nossa chapa majoritária, com Camila Jara e Zeca, e chapa proporcional, com candidatos a vereadores e vereadoras”.

Assine o Correio do Estado

NEWSLETTER

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo.

Fique Ligado

Para evitar que a nossa resposta seja recebida como SPAM, adicione endereço de

e-mail [email protected] na lista de remetentes confiáveis do seu e-mail (whitelist).