Clique aqui e acompanhe o resultado das Eleições 2020

ELEIÇÕES 2021

Trutis tem pedido de candidatura indeferido

Dos 16 candidatos a prefeito que se inscreveram em Campo Grande, 13 já foram aprovados
26/10/2020 17:58 - Eduardo Miranda


Dos 16 candidatos que se inscreveram na Justiça Eleitoral para a disputa pela prefeitura de Campo Grande nas eleições do próximo dia 15, 13 tiveram seus pedidos deferidos, dois ficarão de fora das urnas eletrônicas, e um deles, Sérgio Harfouche (Avante) ainda terá seu pedido julgado.

Neste fim de semana, a Justiça Eleitoral indeferiu os pedidos de candidatura do deputado Loester Trutis (PSL) e de Thiago Assad (PCO). Ainda cabe recurso das decisões em primeira instância.

Com o indeferimento da candidatura de Trutis, o PSL terá como único candidato o vereador Vinícius Siqueira. 

Ambos travaram uma luta judicial, e também nas redes sociais, para ver quem disputaria a prefeitura de Campo Grande pelo partido. Thiago Assad, do PCO, que já havia registrado sua candidatura tardiamente, não cumpriu os requisitos da Justiça Eleitoral.

A indefinição fica, por enquanto com a candidatura do procurador de Justiça Sérgio Harfouche. 

No processo de registro de candidatura dele há dois pedidos de impugnação, ajuizados pelas chapas de Marcos Trad (PSD) e Esacheu Nascimento (PP).

Em ambos os pedidos a argumentação utilizada é que Harfouche teria de ter deixado a carreira no Ministério Público, ou ter se aposentado para poder se candidatar. O candidato do Avante, porém, afirma que tem precedente: sua candidatura ao Senado em 2018, que foi autorizada pela Justiça Eleitoral.

Há expectativa é que o registro de candidatura de Harfouche seja julgado nesta semana. O atraso no julgamento ocorreu devido a um pedido do próprio candidatura, que não quis ser julgado pelo juiz Roberto Ferreira Filho e reclamou a suspeição dele. 

Ferreira Filho não se deu por suspeito ou impedido, julgamento que foi mantido pelo Tribunal Regional Eleitoral.

Os demais candidatos a prefeito em Campo Grande: Cris Duarte (PSOL), Dagoberto (PDT), Delegada Sidnéia (Podemos), Esacheu Nascimento (PP), Guto Scarpanti (Novo), João Henrique (PL), Marcelo Bluma (PV), Marcelo Miglioli (SD), Márcio Fernandes (MDB), Marcos Trad (PSD), Paulo Matos (PSC) e Vinícius Siqueira (PSL) tiveram seus pedidos deferidos.

Leia Mais: 

Juiz acolhe pedido de impugnação e indefere candidatura de Sérgio Harfouche

 

Felpuda


Tropas de choque ligadas a alguns vereadores estão agitadas que só nas redes sociais na tentativa de desbancar a concorrência das “chefias” que querem porque querem. Querem a cadeira maior da Câmara Municipal de Campo Grande. A da presidência.

Segundo políticos mais antenados, trata-se do “segundo turno” das eleições do dia 15 de novembro, só que com apenas 29 eleitores.