Clique aqui e veja as últimas notícias!

CORONAVÍRUS

Mato Grosso do Sul se aproxima de 2 mil mortes por Covid-19

Nas últimas 24 horas, foram 1.981 casos confirmados e 11 mortes pela doença
16/12/2020 12:29 - Naiara Camargo


Segundo o Boletim Epidemiológico da Secretaria Estadual de Saúde (SES), publicado na manhã desta quarta-feira (16), Mato Grosso do Sul já tem 116.612 casos confirmados de Covid-19 e 1.978 óbitos pela doença.

São 1.981 casos e 11 mortes a mais que ontem. Os recuperados já somam 99.658.

Em isolamento domiciliar encontram-se 14.329 doentes. Há 647 pessoas internadas, sendo 345 em leitos clínicos e 302 em leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Últimas notícias

Campo Grande segue na liderança como cidade com mais casos: registrou de ontem para hoje 765. Já Dourados 271; Maracaju 102; Três Lagoas 67; Chapadão do Sul 45; Anastácio 39 e Amambaí 37.

Campo Grande, Ponta Porã, Amambaí, Antônio João, São Gabriel do Oeste, Rio Verde de Mato Grosso e Maracaju são as cidades que apresentaram mortes nas últimas 24 horas.

Christine Maymone, adjunta da saúde, afirmou que a taxa de contágio continua altíssima, em 1,16.

“Nós esperamos que você, nesse Natal, seja solidário com as pessoas que você ama, usando máscara, em colaboração com os profissionais de saúde”, disse.

Medidas Restritivas

Em todo o estado de Mato Grosso do Sul há toque de recolher das 22h às 5h. Quem for pego desrespeitando o decreto, está sujeito à penalidades.

Na Capital, o passe do estudante foi suspenso e o benefício para idosos só opera das 9h às 16h, diariamente. 

Também em Campo Grande, eventos só podem ter 40% da ocupação máxima, ou 80 pessoas. 

“As únicas vacinas que temos aqui no MS é o isolamento social, uso de máscara e as regras de higiene”, disse o secretário de Estado de Saúde, Geraldo Resende.

“Precisamos abolir por completo qualquer tipo de aglomeração. É um equívoco muito grande haver festas com no máximo 80 pessoas. As festas de final de ano devem estar restritas apenas ao núcleo da família, com no máximo 10 pessoas”, complementou. 

Esperança

Para 2021, o Ministério da Saúde afirma já negociar cerca de 350 milhões de doses de imunizantes para vacinar a população contra o novo coronavírus.

Com o objetivo de desafogar leitos de hospitais superlotados, o governo do estado de Mato Grosso do Sul repassa R$27,7 milhões ao enfrentamento da pandemia da Covid-19.

Orientações

A SES afirma que o isolamento social; o uso de máscara e álcool gel e a higienização das mãos com água e sabão são medidas imprescindível para conter a propagação do novo coronavírus.

Pessoas que apresentarem febre, tosse seca ou dor de garganta devem permanecer em isolamento por 14 dias. Caso os sintomas se agravem, é recomendado que se procure uma unidade básica de saúde mais próxima.

Assine o Correio do Estado