Clique aqui e veja as últimas notícias!

COVID EM ALTA

Em apenas 24h, Mato Grosso do Sul confirmou mais 23 mortes por Covid-19

O estado ultrapassou os 120 mil casos confirmados da doença com os novos 1.316 deste sábado
19/12/2020 10:55 - Brenda Machado


Apenas nas últimas 24h, Mato Grosso do Sul registrou mais 23 mortes por Covid-19, segundo atualização da secretaria estadual de Saúde  (SES), neste sábado (19).

Conforme o boletim, o índice de letalidade está em 1,7, e o  total de mortes chegou a 2.032.

Últimas Notícias

Além da alta de óbitos, o número de casos confirmados permanece assustador, de ontem pra hoje foram 1.316 novos registros, totalizando 120.395 confirmações da doença no estado.

Do montante, 13.735 pessoas ainda representam casos ativos e estão em isolamento domiciliar, outros 103.735 já estão recuperados.

Nos hospitais, o número de hospitalizados já é de 659, sendo que 345 estão em leitos clínicos e 314 em unidades de terapia intensiva (UTI).

Na macrorregião de Campo Grande, a taxa de ocupação de leitos Covid ultrapassou o limite, correspondendo a 114% da lotação.

A SES informou que o excedente da capacidade representa pacientes em leitos COVID-19 ainda não habilitados pelo SUS, mantidos pelas secretarias municipais e estadual de Saúde.

Em relação aos leitos públicos de UTI COVID adulta, marcados pela lotação, as 242 já foram todas ocupadas e 250 seguem internados, o que corresponde a 103% da taxa de ocupação.

Quando o assunto são as confirmações, Campo Grande aparece liderando o ranking de registros, com 55.414 casos do do novo Coronavírus desde o início da pandemia no estado, em março.

Os outros municípios de Mato Grosso do Sul que registram mais de mil casos são: Dourados (12.070), Corumbá (6.160), Três Lagoas (3.880), Aquidauana (2.474), Sidrolândia (2.382), Naviraí (2.124), Ponta Porã (2.037), Chapadão do Sul (1.594), Maracaju (1.590), São Gabriel do Oeste (1.588), Rio Brilhante (1.584), Miranda (1.493), Bataguassu (1.227), Ladário (1.193), Paranaíba (1.131), Cassilândia (1.118), Aparecida do Taboado (1.104) e Caarapó (1.073).

Como consequência da crescente de casos, na quinta-feira (17) desta semana, o programa Prosseguir, responsável por recolher dados indicadores da Covid-19, anunciou que sete municípios do estado subiram para a faixa cinza de risco da doença, ou seja, agora está com extremo risco de contaminação.

Além de Campo Grande, Naviraí, Amambai, Dourados, Aquidauana, Bela Vista e Sete Quedas também estão na faixa cinza.

Assine o Correio do Estado